Sua versão do navegador está desatualizado. Recomendamos que você atualize seu navegador para uma versão mais recente.

 

 

João Alves da Silva

(Tenente-Coronel da PM/SE)

 

          João Alves da Silva era filho do Sr. Luiz José Rodrigues e dona Maria dos Santos (mais conhecida por dona Maria Bico). Nasceu em 26/06/1907 e faleceu em 05/05/1971, aos 66 anos de idade, em Aracaju.

          Mais conhecido na terra natal pelo apelido de “João Bico”, era irmão de Norberto, Joaquim Bico (pai do sargento Hercílio Bico), e de dona Ana (mãe de Maria das Dores “Dodô”, Abigail, Edite, Dárcio e José “de Ana”).

          Foi incluído na Polícia Militar em 04/06/1936, no governo Eronides Ferreira de Carvalho, e passou para a reserva remunerada em 1966, no governo de Sebastião Celso de Carvalho.

          Na sua ficha não foram anotadas todas as suas promoções. Constam, apenas, que foi promovido a 2º Sargento em 1955; e a 1º Sargento em 1957; e que passou para a reserva, compulsoriamente, na data supra (06/06/1966), no posto de Tenente-Coronel.

          Trabalhou nos municípios de Salgado, Capela, Propriá, Canindé de São Francisco, Japoatã, Riachuelo e Aracaju. Teve vários parentes na Polícia Militar: os cabos Cícero e Virgínio (filhos do saudoso José Vicente da Silva “Zé de Ana”); Nilton José dos Santos, irmão dos referidos cabos,é Capitão reformado; Messias, filho do sobrinho Dárcio, é 2º Tenente reformado; e José Pereira Dantas (José de Simeão), esposo de sua sobrinha Abigail, entrou na Polícia no tempo das volantes, reformou-se no posto de cabo.

 

Obs.: A abreviada biografia foi transcrita, na íntegra, do livro “Porto da Folha – Fragmentos da História e Esboços Biográficos, pg. 235” , de Manoel Alves de Souza.